Arquivo para fevereiro \03\UTC 2008



Mais uma mudança de paisagem

Depois de largar a Londres mais turística e ir conhecer os bairros residenciais, a mudança agora foi mais radical: fomos conhecer um castelo!!! Uh, meu primeiro castelo inglês, depois de me acabar nos tchecos!!!

 eu.jpg

A viagem foi ao castelo de Leeds, que não fica na cidade de mesmo nome, no oeste de Yorkshire, mas sim no condado de Kent, no sudeste de Londres!

Essa viagem foi feita em um esquema muito legal: a National Express, umas das companhias de ônibus daqui oferece um pacote com transporte (ida e volta) + entrada para o castelo por 21 libras!!! Considerando que só a entrada para o castelo custa 14 libras, foi um super-achado.

mapa.jpg

O castelo fica em uma linda e gigante propriedade, com vários lagos, patinhos, cisnes e gansos por todos os lados, um aviário, um labirinto de cerca viva, enfim, é programa para o dia inteiro sem problemas!

welcome.jpg

Fomos em cinco pessoas e tirando o Rafael, que é francês e portanto conhece um monte de castelos, os outros nunca tinham visto um castelo pela frente. Então foi muito legal ver a empolgação deles! 😀

Com mais um dia maravilhoso em mãos – aliás, cadê aquela Inglaterra chuvosa de que tanto falaram? – e um lugar tão delicioso, não foi difícil gostar do castelo de Leeds!

 cenario.jpg  cenario2.jpg

Os patos/gansos/cisnes deram um show a parte, posando para as fotos e tudo mais!!! 😆

 cisne.jpg  ganso.jpg

(cisne negro posando com o castelo ao fundo e um ganso esperando a hora da bóia!) 

O lago circundando o castelo garantiu alguns dos momentos mais fotogênicos da minha viagem até agora!

 ruinas.jpg

vistanolago2.jpg

O interior do castelo também vale ser mencionado porque ele exibe tanto a reconstituição da mobília nos séculos passados quando o castelo foi ocupado por várias figuras da realeza…

 quartorainha.jpg  banheiroreal.jpg

… quanto mantém um espaço mostrando como vivia a família nobre que morou por lá durante o período das guerras.

 quartolady.jpg  biblioteca.jpg

A principal diferença entre as épocas: o banheiro, com certeza! Um VIVA ao inventor dos sistemas de encanamento! 😆

Mas voltando a falar sério, essa biblioteca aí em cima, com cerca de 3000 volume, deixou todo mundo com vontade de largar o passeio, pegar um livro e passar o resto do dia por lá! O sol estava batendo de tal forma que deixava a sala com um ar aconchegante e convidativo que só estando lá!

Depois de conhecer o dia-a-dia do castelo, fomos nos divertir no labirinto, que parecia tão simples, mas deixou todo mundo perdido e com medo!!! hehehe

 labirinto.jpg  medo.jpg

Bom, nem preciso dizer que esse bate-e-volta fica como uma sugestão recomendadíssima, né?

vista.jpg

vistacomdominik.jpg

Anúncios

Só um parênteses

Hoje enquanto voltava de metro para casa depois do meu passeio – que já deve virar um post daqui a pouquinho – cruzei com a seguinte frase estampada em cartazes espalhados pelas paredes:

“We may be a small country but we’re a great one, too. The country of Shakespeare, Churchill, the Beatles, Sean Connery, Harry Potter. David Beckham’s right foot. David Beckham’s left foot, come to that.”

(Nós podemos ser um país pequeno mas somos um grande país também. O país de Shakespeare, Churchill, the Beatles, Sean Connery, Harry Potter. O pé direito do David Beckhan. O pé esquerdo do David Backhan, se você pensar.) 

Para os não fanáticos com eu, essa frase é do filme Simplesmente Amor (Love Actually), o meu filme água-com-açucar favorito. Chegava a asssití-lo uma vez por mês aí no Brasil!!! 😀

love-actually.jpg

O elenco é afinadíssimo, a trilha sonora é uma delícia e aquele sentimento de que o mundo é lindo e que as coisas podem sim dar certo fica com você por um bom tempo depois do fim do filme!

Mas melhor que o discurso acima – que na íntegra é uma bela resposta do Primeiro Ministro inglês, vivido pelo Hugh Grant, ao presidente americano, personagem do Billy Bob Thorton – é a cena inicial, também descrita pelo Hugh Grant. Sempre que assisto me emociono!

Love actually

O discurso completo é esse aqui:

“Whenever I get gloomy with the state of the world, I think about the arrivals gate at Heathrow Airport. General opinion’s starting to make out that we live in a world of hatred and greed, but I don’t see that. It seems to me that love is everywhere. Often it’s not particularly dignified or newsworthy, but it’s always there – fathers and sons, mothers and daughters, husbands and wives, boyfriends, girlfriends, old friends. When the planes hit the Twin Towers, as far as I know none of the phone calls from the people on board were messages of hate or revenge – they were all messages of love. If you look for it, I’ve got a sneaking suspision love actually is all around.”

(Sempre que fico deprimido com o estado do mundo, eu penso no portão de desembarque do aeroporto de Heathrow. A opinião geral é que vivemos em um mundo de ódio e ganância, mas eu não enxergo dessa forma. Para mim, o amor está por toda parte. Na maioria das vezes não é nada particularmente gloriosa ou digna de virar notícia, mas etsá smepre lá – pais e filhos, mães e filhas, marido e mulher, namorados, namoradas, velhos amigos. Quando o avião atingiu as Torres Gêmeas, até onde eu saiba, nenhum dos telefonemas das pessoas a bordo eram mensagens de ódio ou vingança – elas eram mensagems de amor. Se você procurar por ele, tenho a suspeita sorrateira de que o amor realmente, está em todo lugar.)

Piegas até, eu sei, mas me desmonta!!!

Por dentro do Parlamento inglês

Na terça-feira passada resolvemos aproveitar o dia sem aulas e ir conhecer o lado político da vida na Inglaterra. Afinal, com um regime tão diferente do nosso, com direito a realeza, lordes e tudo mais envolvidos na política, não tem como não ficar curiosa, né?

Entrar em uma sessão do parlamento é bem fácil. Nesse link aqui você encontra os horários e aí é só chegar e entrar! Free of charge!

Vale muito a pena tanto pela beleza do prédio quanto para matar a curiosidade! Mas infelizmente não poderei mostrar o interior porque é proibido fotografar lá dentro. Se vocês quiserem, este link oferece um tour virtual ao parlamento!

O bom é que você pode ficar quanto tempo quiser lá dentro, não é necessário assistir a sessão completa, dá para sair da Casa dos Comuns e entrar na dos Lordes, enfim, dá para realmente conhecer o lugar!

Mas devo dizer que a dos Comuns é infinitamente mais interessante, com direito a discussões no mesmo nível da nossa Câmara: “A Excelentíssima sra. com certeza não sabe do que está falando…” ou “esse projeto terá um destino tão glorioso quanto o Titanic!” – sim, acreditem, rolou essa frase! :mrgreen:

A Casa dos Lordes vale pela beleza da sala, muito mais pomposa do que a dos Comuns! E com direito a ver vááários Lordes babando enquanto alguém fala, entediantemente!!!

E na saída, ainda vale uma fotografia linda do Big Ben!

 bigben3.jpg

Para entender mais sobre o parlamento inglês, o site oficial é bem completo: www.parliament.uk – mas tá em inglês! 


Total de...

  • 196,625 visitas... ou viagens!!!