Arquivo para agosto \31\UTC 2007

Rota vermelha – parte 1

rotavermelha.jpg

Ontem percorri a rota vermelha do tour a pe, saindo da praca central (Praca Ban Josip Jelačić), indo ate o centro financeiro de Zagreb e depois sobindo ate a Cidade Alta, origem de Zagreb.

pracabanjosip.jpg

Caminhando para direita, na direcao do posto de informacoes turisticas onde consegui esse mapa do tour, andei pela rua Nikola Jurišić onde esta localizado o posto central do correio. Descobri com a Zri que este eh o lugar onde muitos, inclusive ela, pagam suas contas!!!

postodocorreio-dupla.jpg

Seguindo em frente, cheguei a praca onde esta localizado o centro financeiro de Zagreb. O predio principal, que antigamente era a Bolsa de Valores, hoje abriga o Banco de Zagreb.

 

bolsadevalores-tripla.jpg

Nessa hora eu sai um pouquinho da rota para chegar ate a praca das Vitimas do Facismo, onde esta localizado este pavilhao de exibicoes.

vitimasdofacismo-dupla.jpg

Repararam no meio de transporte das pessoas na foto da direita?!?!? Eh aquele mesmo brinquedinho do qual o Bush caiu!!! Eles usam aqui como veiculo para um tour pela cidade sem o ‘desconforto’ de se andar a pe !!! :p

Esse ponto do passeio meio que marca o fim da zona turistica. A partir dali comeca uma zona mais residencial e de comercio local, que nao eh lah muito bonita.

nemtudosaoflores.jpg

E eh assim pela cidade inteira. A faixa que fica entre o centro turistico e a Nova Zagreb eh inteira como na foto ai em cima.

Voltando para o caminho do tour, comecei a voltar em direcao ao centro turistico, ja podendo avistar a Catedral da Virgem Maria, no morro do Kaptol.

vistaparacapitol.jpg

O Kaptol eh um dos morros que deu origem a Zagreb. No comeco da historia da cidade, existiam dois morros. Um deles era o centro religioso (o Kaptol) e o outro era o centro politico (o Gradec). Hoje esses dois morros estao ligados e formam a Cidade Alta.

Andando pela rua Vlaška pude ver uma estatua de uma escritor croata, August Šenoa, que parece estar lah simplesmente vendo a vida passar.

vlaska-dupla.jpg

Comecei entao a subir o morro para o Kaptol…

vistaparacapitol3.jpg

… ate chegar a praca onde esta a catedral.

virgemabencoada.jpg

Essa catedral ja sofreu muitos danos e foi restaurada inumeras vezes, sendo que as ultimas adicoes foram as torres neo-goticas.

catedral-dupla.jpg

O interior da catedral eh muito interessante, sendo que o que mais me chamou a atencao foi um mural com umas inscricoes em uma lingua que nao consegui identificar. Por um momento parecia cirilico, mas acho que nao eh.

catedral-interior.jpg

Sai da catedral e andei um pouco pelo Kaptol.

capitol-dupla.jpg

As casas nessa parte da cidade sao muito bonitas e grandes, verdadeiras mansoes.

(o tour continua no proximo post)

Me perdendo em Zagreb

Bom, minha terca-feira foi um dia mais calmo, na fiz mita coisa. Como tinha ficado mto tempo sem dormir, preferi dormir ate um poucos mais tarde para nao ficar muito destruida. Alem disso, nao tinha conseguido trocar dinheiro (a moeda local chama-se KUNA) e tambem nao tinha nenhum mapa suficientemente detalhado, entao combinei que esperaria a Zri voltar do trabalho, as 17h, para ela me dar as direcoes basicas da cidade.

Fomos ate o centro, troquei dinheiro, demos uma volta de reconhecimento e sentamos em um bar para beber a tal grappa com mel, voltando para casa cedo, para poder acordar com bastante disposicao na quarta !!!

Acabei nao acordando tao cedo assim porque fiquei terminando de ler o Harry Potter e acabei acordando um pouco mais tarde. Sai de casa perto das 12h, decidida a ir ate o centro da cidade a pe, o que deveria demorar uns 30 minutos. Soh para voces terem uma ideia, a casa da Zri eh o circulo vermelho, o centro eh o circulo azul e a melhor rota para o centro (que a Zri soh me mostrou no fim do dia) esta assinalada em cinza.

mapa1.jpg

A rota assinalada em preto foi a que eu fiz… certinho, neh?!?!?

A primeira parte ate nao estava tao errada, so fiz o L ao contrario. O problema comecou na praca do bairro ingles. No passeio da terca, tinhamos passado por uma praca com varias barracas de flores e seguimos a partir dela para o centro. Soh que a praca do bairro ingles tambem tem varias banquinhas de flores… ai jah viu, neh?!?!?

britishsqr.jpg

Peguei a rua bem a esquerda, andei uns dois quarteiroes, vi que nao estava certo e voltei para a praca. Vi entao um caminho que subia por uma ladeira muito bunitinha, resolvi tentar por lah.

pantovcak2.jpg

Eu ate vi que nao estava indo no caminho certo, mas a rua tinha umas casinhas tao legais, varias flores e arvores diferentes, que resolvi continuar em frente, pensando que em algum momento viraria a direita e conseguiria chegar ao centro.

Engano meu… quando voce chega na parte alta da cidade, eh quase impossivel passar de um morrinho para o outro… portanto, toca eu descer tudo de volta para a praca que eu jah nao aguentava mais ver !!!! Parecia um universo pararelo do qual eu nao conseguia sair !!!

Ai voces podem estar se perguntando se eu nao tinha um mapa… pois eh, eu ate tinha, a Zri tinha me emprestado um, mas ele era gigante… abri-lo na rua era quase tao dificil quanto achar o caminho certo !!! hehehehe

Alem disso, os nomes da ruas sao bem complicados. Alem da sopa de letrinhas que eh o croata e da grande quantidade deruas chamadas ˝Ivana qualquer coisa˝, o nome da rua no mapa eh diferente do nome nas placas. Pois eh… porque facilitar, nao?!?!?

O que acontece eh que nas placas, eles escrevem algo como ‘a rua tal‘ ou ‘a rua de alguem‘ e no mapa esta simplesmente Rua Tal. Essa pequena mudanca, altera o sufixo da palavra, ou seja, muda a grafia… ai o pobre turista que nao sabe croata fica perdido !!!

Depois de testar as duas possibilidades das tres disponiveis, obvio que a rua certa que me levaria para o centro era a ultima, neh?!?!? A mais feinha, mais apertadinha, aquela que menos parecia…

tramsnailica.jpg

Quando cheguei no centro jah eram quase 16h (fizeram as contas de como eu me perdi?) e sentei em um cafe com internet para mandar um oi para o Brasil, esperando a Zri chegar do trabalho.

Ainda bem que estava com a Des’ree (albuns Mind Adventures e Supernatural) me acompanhando o tempo todo!!! Com certeza ajudou a manter a serenidade!!! 😛

Acompanhei ela pela cidade enquanto ela resolvia algumas coisas que ela precisava, mas as fotos eu vou colocar nos proximos post para ficar mais organizadinho, seguindo o tour proposto ai abaixo:

tourape.jpg

A casa da Zri

Que tal conhecer rapidinho a casa da Zri, onde estou hospedada aqui em Zagreb?!?!?

Ela por fora nao eh assim mto bonita (a janelinha do primeiro andar eh a do ape da Zri)…

ape-externo.jpg

 

… mas dah uma olhadinha por dentro !!! Tem a cara da Zri, mesmo nao tendo sido ela a arquiteta responsavel !!!

Essa eh a entrada. Do lado direito tem a bancada que divide a sala da cozinha e tambem a porta do banheiro.

ape-entrada.jpg

Ai esta a cozinha, com uma pequeninissima vista do banheiro (afinal, nada mais deselegante do que tirar foto do banheiro!!!).

 

ape-cozinha.jpg

E esta eh a cama/estudio, onde a Zri dorme.

ape-estudiocama21.jpg

 

O sofa-cama onde eu estou dormindo nao deu para sair da foto, porque o varal esta estendido na sala desde o primeiro dia e tambem nao eh nada elegante tirar foto de varal !!!

Saindo da casa dela na direcao do centro da cidade, esta eh a avenida onde se pega o onibus 118, que em 10 minutinhos esta no centro. Reparem na bandeira saindo do carro: naquele dia tinha um jogo do time de futebol de Zagreb contra um time alemao, entao a cidade estava inteira vestida de azul/toalha de piquenique !!! 🙂

ape-vistaladodireito.jpg

 

Ah, o time de Zagreb perdeu de 3×2…

E finalmente, bem na frente do ponto onibus tem esse parque. Atras dele comeca o distrito industrial. Alias, o apartamento da Zri fica bem no meio entre o centro, o distrito industrial e a Nova Zagreb.

ape-parque.jpg

Kibon em frances

Esqueci de postar antes, mas olha soh como se fala Kibon em frances!!! 🙂

cdg-kibonemfrance.jpg

Saindo de Sampa

O embarque foi tranquilo. A sessao cho-ro-ro durou pouco e eu entrei rapidinho porque no sabado a Policia Federal estava operando na marcha de tartaruga, entao estavamos com medo que fosse demorar muito no domingo tambem.

Mas essa parte tambem foi rapida e em 20 minutos ja estava la dentro. Dei umas voltinhas no Duty Free e fui rapidinho conhecer a sala VIP, gracas a um convite que minha tia arranjou pra mim !!! Depois de 1h na sala VIP, com direito a sanduichinhos, champanhe, refri e docinhos a vontade percebi que ja tava qase na hora da chamada para o embarque e desci para o meu portao.

A Air France foi muito pontual. Comecou o embarque na hora prevista e decolou tambem no horario!

Cheguei na minha poltrona (38L, na janela) e ja tinha uma pessoa sentada na cadeira ao lado. Era uma mulher, um pouco mais velha do que eu, de oculos escuros (!!!), capuz enfiado no rosto e celular na mao. Pedi lincenca, sentei e por uns 30-40 minutos ate o aviao decolar, ela ficou falando, choramingando no telefone e tenho quase certeza que ela estava falando em italiano. Assim que o aviao estava para decolar, ela desligou o telefone e capotou instantaneamente.

sp-cdg-saopaulo2.jpg

 

Pronto, o aviao decolou e essa provavelmente foi minha ultima visao de Sampa pelos proximos meses!

Assim que o aviao estabilizou a altura e deu um pequeno solavanco, eu descobri como iria ser minha viagem. A mocinha ao lado acordou, assustada e deu um pelo tapa no meu braco, voltando a dormir logo em seguida, como se nada tivesse acontecido. E assim foi, pelas longas 10h40 de voo. A cada nova pequena turbulencia, era um novo tapa, as vezes acompanhado de um resmungo, as vezes com direito de cara de espanto… nessas, nao consegui dormir nem um pokinho e acabei assistindo todos os filmes disponiveis na telinha na minha frente.

Tirando este pequeno detalhe, o voo foi bom e eu gostei mito do servico da Air France. Logo na primeira hora eles distribuiram cobertor, travesseiro, alem dessas outras coisinhas ai na foto e tambem serviram um aperitivo.

sp-cdg-coisinhas.jpg sp-cdg-aperitivos.jpg

 

Depois veio o jantar, que estava bem gostosinho…

sp-cdg-jantar.jpg

… e quando faltava 1h30 para chegarmos em Paris, o cafe-da-manha.

sp-cdg-cafedamanha.jpg

Minha conexao para Zagreb era bem apertada, com 50 minutos entre a chegada em Paris e saida do voo, as chances de perde-la eram imensas e foi justamente isso que aconteceu. Chegamos com uns 10 minutinhos de atraso, tive que pegar um onibus interno para ir ate o terminal de embarque para Zagreb, o que demorou muito muito muito e quando cheguei, o voo jah tinha saido…

Fui ate o balcao da Air France e troquei meu bilhete, mas o voo das 12h30 que eu tinha visto no Brasil nao estava disponivel, entao acabei ficando no das 19h =( !!! Sim, foram 10h dentro do saguao de embraque do Charles de Gaulle, morrendo de sono, sem muito o que fazer…

A Air France deu um vale-lanche, que eu troquei pelo meu almoco…

cdg-lanchedaespera.jpg

 

… e depois, mais perto da hora do embarque, comi um croque mousier, o misto quente frances, qe eh gratinado.

cdg-croquemousier.jpg

E para combater o sono, fiquei lendo o livro que eu levei, o ultimo Harry Potter.

Chegada a hora de ir para Zagreb, fomos levados de onibus para o nosso GRANDE aviao !!! Olha que gigante

cdg-zag-aviao3.jpgcdg-zag-aviao1.jpg

Mas apesar do tamanho, o voo foi tranquilo e em 1h30 eu cheguei em Zagreb onde a Zri estava me esperando, com a irma e a sobrinha, alem de uma amiga que foi de carro para podermos levar as malas.

Demoramos uns 30 minutos para chegar ate a casa da Zri onde ficamos conversando ate umas 2h da manha (que para mim ainda eram 21h !!!), mas a Zri precisava ir trabalhar no dia seguinte, entao finalmente fomos dormir !!!

Depois 36h, deitei minha cabeca no travesseiro !!!

Malas prontas… ou quase !! :)

Malas

 Agora só falta eu conseguir carregar td isso sozinha !!! 😀

Roteiro na Croácia

Faltando menos de uma semana para chegar na Croácia, aí vai um rascunho do roteiro que seguir no mês que estiver por lá!

Chego em Zagreb no dia 27, lá pelas 13h se não atrasar meu vôo no Brasil. Se atrasar, perco a conexão e chego no fim da tarde, então esse primeiro dia vai ser perdido.

Pretendo ficar uns 10 dias em Zagreb, hospedada na casa da Zri, assim terei bastante tempo para explorar a capital!

Como tira gosto, algumas fotos tiradas do site www.croatia.hr .

zagreb-panoramica.jpg

Zagreb - vista do rio

Zagreb

Zagreb

Depois de conhecer um pokinho de Zagreb, quero ir em direção ao litoral que dizem ser maravilhoso. No caminho para a costa, um ponto importantíssimo de parada serão os lagos de Plitvice.

 Plitvice - Panorâmica dos lagos

Esse parque natural tombado pela UNESCO é formado por inúmeros lagos em diferentes altitudes circundados por uma densa floresta. Se for metade do que aparenta ser nas fotos… 🙂

Plitvice

Minha primeira parada no litoral será em Zadar, cidade natal da Zri, localizada na região da Dalmácia.

 Panorâmica de Zadar

 Zadar

Em Zadar existe um órgão que é tocado pelas ondas do mar !!! Se quiser conferir, aí vai um link do You Tube: sea organs – music from nature

Depois de conhecer a família da Zri e a cidade dela, preciso decidir se vou para o norte, conhecer o litoral da Istria, ou se desço para Split e Dubrovnik, as duas cidades mais conhecidas do país. Mas para isso, a Zri vai me ajudar !!!


Total de...

  • 196,062 visitas... ou viagens!!!